A Embelleze lançou uma plataforma de comércio eletrônico, acompanhando o movimento do setor e os novos hábitos de consumo femininos. A startup, além de ser composta por mais de 350 itens à venda, também agrega o novo blog da empresa, que passou por uma reestruturação no layout e na linha editorial para oferecer, com a colaboração de influenciadoras digitais, um conteúdo de empoderamento e valorização da mulher brasileira, além de pautas de beleza e cuidados com os cabelos.
A operação do e-commerce reflete o novo olhar para o digital da Embelleze, que visa se diversificar cada vez mais neste universo. De acordo com a pesquisa Webshoppers, estudo de maior credibilidade sobre o comércio virtual brasileiro, no Brasil, 25,5 milhões de consumidores fizeram pelo menos uma compra virtual no primeiro semestre de 2017, representando um aumento de 10,3% em comparação a 2016.
“Nossa ideia é aproximar cada vez mais nossa consumidora do universo digital, com novidades que tragam sempre mais conveniência para a mulher brasileira. O e-commerce e o blog serão excelentes ferramentas para esse fim. A loja on-line, que deve agregar um faturamento de R$ 6 milhões com a venda de 100 mil produtos nos primeiros seis meses, vai além do comércio eletrônico. Como se trata de uma startup, será uma espécie de showroom, onde será possível fazer testes de produto e mercado. Um verdadeiro processo de experimentação para sentir se o produto vai ter aderência ou não, nos guiando para o caminho certo”, destaca o vice-presidente do Sistema Embelleze, Jomar Beltrame.
A criação do canal digital de comércio de produtos tem o objetivo também de criar uma integração dos universos online e offline, apoiando desta maneira o ponto de venda. O e-commerce irá funcionar como um hub de informações de todo o portfólio Embelleze, ajudando a incrementar ainda mais a venda dos produtos em todos os pontos de venda do país.