A Mahogany, empresa brasileira de cosméticos, anuncia sua primeira operação no exterior com uma inauguração em solo chileno, em Santiago. Segundo dados da Cámara de la Industria Cosmética de Chile, o setor de cosméticos cresceu 5,4% em 2017, e os números do primeiro trimestre apontam as categorias que mais cresceram: maquiagem, produtos de higiene pessoal e fragrâncias. Com esse cenário positivo, a Mahogany mirou no país e abriu sua primeira unidade, um quiosque no modelo de franquia, no Mall Arauco Maipú.
Para Peter Schimidt, gerente de expansão da Mahogany, a internacionalização foi consequência do rápido crescimento da rede no mercado nacional em 2017. “O sucesso das nossas operações no Brasil gerou visibilidade para investidores estrangeiros. Estudamos as possibilidades de ultrapassar as fronteiras e encontramos no Chile um mercado bastante promissor, que possui características de operação e de economia, como um todo, muito semelhantes ao que já estamos acostumados”, explica Schimidt.
Para concretizar esse primeiro negócio, a Mahogany fez uma imersão local, seguida de prospecções, tanto com os candidatos quanto com os consumidores em potencial. A análise 360º do negócio foi realizada para diminuir os riscos do projeto. “Acreditamos que será um grande sucesso, vamos apresentar neste primeiro momento 150 produtos do nosso portfólio”, diz Schimidt.